Cercado que abriga os instrumentos da Estação Meteorológica do DepartamentoA partir de 1975 começaram a chegar os primeiros estrangeiros contratados, sendo então possível constituir o Departamento de Meteorologia e seu Conselho, iniciando-se também o oferecimento de algumas disciplinas isoladas em nível de pós-graduação. Esse fato encorajou o IAG a tentar organizar um curso de bacharelado em Meteorologia que devido às necessidades profissionais da área no Brasil, era sensivelmente encorajado pelo Ministério da Educação e Cultura. Em 1977, foi de fato iniciado o referido curso com vinte vagas e duração de oito semestres.

Prédio que abriga as salas da Estação MeteorológicaA pós-graduação em Meteorologia teve início em 1975 dentro do programa em Geofísica e Meteorologia e, posteriormente, em 1984, passou a ter seu próprio programa.

Após o início do curso de bacharelado em Meteorologia, os contratados do exterior começaram a deixar o IAG e, pela dificuldade de contratar no Brasil novos docentes qualificados para substituí-los, tomou-se a decisão de contratar bacharéis ou mestres das áreas da Física e da Matemática para completarem seus programas de doutoramento no exterior. Entretanto, com a redução do número de docentes, o Departamento perdeu seu status de autonomia, passando a ser administrado por uma Comissão Supervisora composta por membros da Congregação do IAG, perdendo também o seu Conselho.

Com o retorno do pessoal que se achava no exterior e envio de novos docentes para esse tipo de programa, o Departamento de Meteorologia foi paulatinamente se consolidando, embora com um corpo docente reduzido. A partir de 1989 reconquistou seu status e seu Conselho.

Tendo em vista o desenvolvimento da Meteorologia com novas técnicas tanto na parte teórica quanto na instrumental e aquisição de dados, e principalmente com a interação mais estreita com outras áreas correlatas, o Departamento de Meteorologia passou, a partir do ano de 1991, a ter a denominação de Departamento de Ciências Atmosféricas - ACA, abrindo mais sua área de atuação. "O Barracão", onde eram desenvolvidas as atividades do departamento na Cidade Universitária até o ano de 1990.

O Departamento de Ciências Atmosféricas (ACA) do Instituto Astronômico e Geofísico é um jovem departamento da USP. Criado em 1975, é hoje, após 23 anos, um departamento bem estabelecido e reconhecido internacionalmente. Os currículos de Graduação e Pós-Graduação em Meteorologia foram gradativamente alterados ao longo desses anos, e novas técnicas de ensino foram introduzidas como conseqüência do grande envolvimento de nosso corpo docente - em atividades de pesquisa. Todas as avaliações feitas do ACA ou de sua pós-graduação reconhecem a capacidade atingida pelo seu corpo docente e a qualidade de seu ensino e de sua pesquisa.

<<anterior